• GeoAmbiental Jr.

As influências da globalização e impactos ambientais nos países subdesenvolvidos

Atualizado: 5 de Nov de 2019

Hoje, o regime econômico que rege o mundo é o capitalismo. Esse iniciou-se na Europa, na passagem da Idade Média para a Idade Moderna, com o surgimento de uma nova classe social, a burguesia. Uma das características marcantes desse sistema econômico é a globalização, que aproxima sociedades e nações, através de diversos fatores, como economia, política, cultura e socialmente.


A globalização tornou-se possível devido as Revoluções Industriais, que, a partir de tecnologias e novos meios de transporte e comunicação, fez com que o mundo tornasse interligado, facilitando o a comunicação e o acesso até mesmo em comunidades remotas. As três grandes revoluções industriais também trouxeram consigo um grande aumento no consumo de recursos naturais, como os minérios, o solo e os recursos hídricos, além de ter expandido a poluição, seja ela hídrica, atmosférica ou até mesmo dos solos.



Os países desenvolvidos possuem um elevado nível tecnológico e, com isso, as maiores indústrias concentrassem em seus territórios. Esses países, exportam de países subdesenvolvidos as matérias-primas necessárias as suas industrias, a fim de baixar os custos de produção. Os países subdesenvolvidos, por ter seus produtos de exportação desvalorizados, possuem uma captação de recursos menor, tornando-se dependentes dos países desenvolvidos, porque não conseguem gerar novas tecnologias.


Com isso, os países subdesenvolvidos sofrem a degradação ambiental decorrentes da exploração de seus recursos naturais e o esgotamento precoce dos recursos naturais não renováveis. Os impactos ambientais e o esgotamento dos recursos naturais afetam, diretamente, a economia de uma país e a sua sociedade. Sem um solo possível fértil, por exemplo, um país fica impossibilitado de plantar seus produtos de exportação, afetando sua economia. Sem áreas verdes e águas de boa qualidade, a saúde da população desse país é posta em risco.


Dessa forma, é possível observar que, apesar de possuir pontos positivos, como a “diminuição” da distância entre regiões antes quase inacessíveis e a proliferação de meios de comunicação em massa, a globalização também possui seus pontos negativos, visto que proporciona a interdependência de países subdesenvolvidos com países desenvolvidos e corrobora com a degradação ambiental, que afeta diversas áreas da sociedade, em países subdesenvolvidos.


De: Raphaela Ferraz Freitas, GeoAmbiental Jr.

(18) 3229-5412 

ACOMPANHE NOSSAS REDES SOCIAIS 

  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle