• GeoAmbiental Jr.

Eficiência Energética

O Brasil enquanto país de dimensões continentais demanda e produz grandes quantidades de energia. Sua matriz energética conta com uma parcela significativa de fontes renováveis, recursos energéticos que podem regenerar-se em um curto espaço de tempo, sendo considerados, portanto, inesgotáveis.

As principais fontes de energia do Brasil, atualmente, são: Energia hidrelétrica, petróleo, carvão mineral e os biocombustíveis, além de algumas outras utilizadas em menor escala, como gás natural e a energia nuclear.

Quando falamos em eficiência energética estamos nos referindo à relação entre o desempenho/quantidade de energia consumida por um determinado equipamento, aparelho ou serviço e a quantidade de energia utilizada, sendo o objetivo consumir a menor quantidade de energia possível. Ou seja, produzir mais com menos desse recurso.

Essa ideia pode ser aplicada nos mais diversos empreendimentos, todos os tipos de empresa buscam a eficiência energética através de novas tecnologias ou conscientização dos trabalhadores.

Além disso, a eficiência energética significa utilizar de forma adequada os recursos, pensando nos custos sociais e ambientais na sua produção e as consequências geradas, dessa forma, evitando desperdícios e aproveitando a energia da melhor maneira possível.

Por que investir na eficiência energética?

Um dos principais benefícios de se investir em eficiência energética é a redução de forma significativa nos custos de energia elétrica no final do mês. A competitividade gerada dentro do ramo de atuação da empresa em específico e o possível barateamento do processo produtivo pode ser alcançado através da eficiência energética.


Além disso, como todas as empresas sempre pensam em crescer e prosperar, a adoção de práticas de eficiência energética podem possibilitar seu crescimento sem a necessidade de uma readequação da infraestrutura interna da empresa.


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo